UMA PROVA DE SANTIDADE

"Mas essas coisas, que eram ganhos para mim, considerai-as prejuízo diante deste bem supremo que é o conhecimento do Cristo Jesus, meu Senhor. Por causa dele, perdi tudo e considero tudo como lixo, a fim de ganhar Cristo" (Fl 3, 7-8).


Na medida em que crescemos nos desprendemos das coisas do mundo, chegamos (com a ajuda de Deus) a dominar nossos desejos e a nos lançarmos ao senhorio de Deus. A disciplina voltada para Deus e a Sua graça curam a nossa mente e diminuem nosso desejo pela concupiscência. E aí, passamos a ver as coisas mais claramente.

E quanto mais claramente vemos, melhor podemos enfrentar as tentações diárias que tendem a nos afastar de Deus e nos atrair para as coisas criadas.

Se temos de escolher entre Cristo e o lixo, só há uma escolha sã e racional.

Poucas são as pessoas que crescem desapegadas das coisas e de forma a verem por este lado a todo instante. No entanto, isso é o que Deus quer de cada um de nós, e Ele não vai negar a ninguém o que lhe pedirmos, se estivermos dispostos a receber a Sua graça e Sua bênção.


Quando enfrentamos uma escolha entre o sofrimento e o pecado, estamos diante de um julgamento, um teste, uma provação, assim como Adão esteve, e como estiveram os israelitas no deserto e, também, os judeus na Babilônia. Se em dado momento, optamos pelo conforto, segurança e tranquilidade ao invés do eterno amor, Deus respeitará nossa opção.


Mas se, naquele mesmo momento, escolhermos o sofrimento por causa do amor eterno, então, nos aproximaremos mais ainda da felicidade da pátria celeste.


Estaremos crescendo no amor divino que brota do seio do próprio Deus.

Somos movidos pelos desejos que cultivamos. Movemo-nos na direção para a qual viramos nosso corpo, nosso coração, nossa mente, nossos olhos. Mas se quisermos chegar ao nosso destino - se quisermos estar um dia na casa do Pai - temos de afastar nossos apegos terrenos e mudar o nosso rumo diretamente para Deus. Não será bom virarmos no meio do caminho pois, ainda assim, podemos seguir por um caminho errado.


Até que rompamos nossos apegos, a nossa conversão não estará completa!

(Trecho do livro "Senhor, tende piedade" de Scott Hahn).

27 visualizações0 comentário

© Copyright 2020  |  In Veritatem  |  Todos os direitos reservados

Quem procura a verdade busca a Deus
Logo_InVeritatem-01.png
  • Facebook
  • YouTube